Black Friday! Tudo 30% OFF + 6x + entrega imediata. Confira agora!
  • Título: Talking Textiles
  • Autora: Lidewij Edelkoort
  • Editorial: Edelkoort Edition
  • I.S.B.N : 
  • Formato: Livro 22,5 x 28,5 cm
  • Páginas: 228
  • Publicação: 2021
  • Idioma: Inglês
  •  

A tecelagem é uma das práticas mais antigas que se conservam no mundo, com sua história firmemente enraizada no período neolítico, quando a criação de tecidos explodiu com a maioria das famílias produzindo seu próprio tecido. Desde então, influenciou a história e a cultura de todo o planeta, tornando-se uma habilidade indispensável ligada às tradições familiares, às fibras cultivadas e à produção local, até chegar aos tempos modernos, quando o tear foi mecanizado durante a Revolução Industrial.

Esta edição da Talking Textiles concentra-se nos tecidos e nas suas origens, uma vez que tanto estudantes e como designers de todo o mundo tenham tomado o tear como a sua ferramenta mais importante. O tear é, claro, uma ferramenta para tecer, mas também se converte em um objeto de veneração e reflexão, uma obra de arte auto-suficiente, um ready-made modernista ou em um objeto encontrado reciclado nas ruas desertas e devastadas pela pandemia. Os múltiplos frutos destes teares são recolhidos e saboreados nestas páginas e tornam-se uma amostra do renascimento contemporâneo das artes e ofícios nos tecidos, na moda e no design de interiores.

Talking Textiles #6 "Fruits of the Loom"

por Lidewij Edelkoort

R$614,00 R$430,00
Talking Textiles #6 "Fruits of the Loom" R$430,00
  • Título: Talking Textiles
  • Autora: Lidewij Edelkoort
  • Editorial: Edelkoort Edition
  • I.S.B.N : 
  • Formato: Livro 22,5 x 28,5 cm
  • Páginas: 228
  • Publicação: 2021
  • Idioma: Inglês
  •  

A tecelagem é uma das práticas mais antigas que se conservam no mundo, com sua história firmemente enraizada no período neolítico, quando a criação de tecidos explodiu com a maioria das famílias produzindo seu próprio tecido. Desde então, influenciou a história e a cultura de todo o planeta, tornando-se uma habilidade indispensável ligada às tradições familiares, às fibras cultivadas e à produção local, até chegar aos tempos modernos, quando o tear foi mecanizado durante a Revolução Industrial.

Esta edição da Talking Textiles concentra-se nos tecidos e nas suas origens, uma vez que tanto estudantes e como designers de todo o mundo tenham tomado o tear como a sua ferramenta mais importante. O tear é, claro, uma ferramenta para tecer, mas também se converte em um objeto de veneração e reflexão, uma obra de arte auto-suficiente, um ready-made modernista ou em um objeto encontrado reciclado nas ruas desertas e devastadas pela pandemia. Os múltiplos frutos destes teares são recolhidos e saboreados nestas páginas e tornam-se uma amostra do renascimento contemporâneo das artes e ofícios nos tecidos, na moda e no design de interiores.